RSS

Reciclar: missão quase impossível

09 mar

ESTÁ CADA VEZ MAIS DIFÍCIL RECICLAR, ENTÃO PREFIRA REUTILIZAR

por CLAUDIA VISONI,mãe dos gêmeos Alex e Julieta, texto publicado na Revista Pais & Filhos de Fevereiro de 2011

Por vários anos, periodicamente eu enchia o carro com sucata para levar a um ponto de coleta. Até que apareceu a reciclagem da prefeitura na porta de casa e me senti livre dessa obrigação. Mas eu estava enganada. Em São Paulo, caminhões inteiros com materiais recicláveis que a população organizou e limpou vão direto para o lixão, seja porque as poucas cooperativas que a prefeitura cadastrou não dão conta seja porque o próprio caminhão compactou e misturou tudo, inviabilizando a separação.

ENTÃO DECIDIA RRANJAR OUTRO DESTINO PARA O MEU LIXO. CAIXINHAS DE PAPELÃO, EMBALAGENS PLÁSTICAS, TAMPINHAS, ROLHAS, PALITOS DE SORVETE E OUTROS OBJETOS SIMPÁTICOS VÃO PARA A OFICINA DE ARTES DA ESCOLA DAS CRIANCAS. JÁ TRANSFORMEI POTES, CESTINHO DE BICICLETA ENFERRUJADO, GALÃO DE ÁGUA E ATÉ MOCHILA EM VASO PARA AS PLANTAS DA HORTA. DOEI UM LOTE DE EMBALAGENS VAZIAS DE SORVETE E REQUEIJÃO PARA A GISLENE E DIVERSOS VIDROS TRANSPARENTES PARA A ELZA, MINHAS COLEGAS DO ÓTIMO GRUPO FREECYCLE, QUE FUNCIONA COMO UMA REDE DE DOACÃO DE OBJETOS E ATUA ATÉ AGORA EM 26 CIDADES DE NORTE A SUL DO BRASIL (HTTP://WWW.FREECYCLE.ORG/GROUP/BR/BRAZIL)

Mesmo assim, sobraram jornais velhos, garrafas, latas e embalagens plásticas. Comecei a guardar essas coisas no escritório e abordei alguns cata dores que circulam pelo bairro perguntando se eles não queriam o material. Recusaram, pois o preço das sucatas anda muito baixo e nem vale a pena carregar. Pesquisando no site do Cempre (Compromisso Empresarial para a Reciclagem), descobri que eles têm razão, pois a indústria paga por tonelada apenas R$ 380 pelo papelão, R$ 150 pelas embalagens longa vida, de R$ 80 a R$ 120 pelo vidro. O valor de mil quilos de alumínio é R$2.300, mas são necessárias quase 70 mil latas para chegar lá.

Aí liguei para o Movimento Nacional dos Catadores de Materiais Recicláveis para saber como enviar de verdade os resíduos para a reciclagem. A orientação é a seguinte: leve você mesmo seus resíduos a uma Cooperativa de Catadores (para saber onde ficam em São Paulo, ligue: (11) 3399-3475), a um Ecoponto da Prefeitura ou aos postos de coleta dos supermercados.

Angustiada pelo engodo da reciclagem oficial, pela baixa remuneração dos catadores e pelas notícias que chegam a toda hora alertando para a saturação dos aterros, conversei com Araci Marfins Musolino, coordenadora do Instituto Gea (http://www.institutogea.org.br/), uma especialista no assunto. “É necessário que os cidadãos, as empresas e as prefeituras se esforcem para melhorar a coleta seletiva. Mesmo assim, a prioridade deve ser reduzir o consumo e reutilizar o que já possuímos. A reciclagem não pode ser a primeira opção, pois o planeta não tem condições de sustentar o atual padrão de consumo da humanidade mesmo se fosse possível reciclar 100% dos resíduos”, ela explicou.

Anúncios
 
Deixe um comentário

Publicado por em março 9, 2011 em SUSTENTABILIDADE

 

Tags: , , , , , , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: